EnglishPortugueseSpanish

IOV América

IOV – ORGANIZAÇÃO INTERNACIONAL DE FOLCLORE E ARTES POPULARES

Emirados Árabes

Ali Abdullah Khalifa

Presidente IOV mundial 

Um escritor, poeta, pesquisador e entusiasta cultural do Bahrein, Ali Abdullah Khalifa é presidente do escritório do Bahrein da Organização Internacional de Arte Popular (IOV) desde 1988. Ele também é Diretor de Pesquisa Cultural na Royal Court desde 2001 e também foi  Secretário Executivo Regional da região IOV – Oriente Médio e Norte da África de 2007 a 2012. Em maio de 2012, foi eleito Vice-Presidente de Publicações da IOV. Em novembro de 2016, ele foi eleito presidente da IOV mundial.
Entre seus muitos trabalhos publicados estão o Gulf of Songs, o Folklore Inspiration in Creative Works e o Folk Arts – Nations in Unison , além de um diverso leque de coleções de poesia e operetas. Seus trabalhos foram traduzidos para o inglês e o francês, e lhe renderam grande reputação. Ganhou inúmeros prêmios internacionais, incluindo a Medalha de Competência Cultural do falecido Presidente Bourguiba, da Tunísia (1973), o Grande Prêmio Internacional de Artes em 2006 na Romênia e a Medalha de Primeira Classe de Competência de HM King of Bahrain.

Em sua carreira profissional, ocupa  cargos importantes como:

Presidente da Organização Internacional de Arte Popular (IOV).

Presidente do Conselho do Fórum Cultural Nacional.

Membro Fundador da Associação de Escritores do Bahrain. 

Membro do Conselho da Faculdade de Arte da Universidade de Bahrain, 1998 -2008.

Diretor da Unidade de Pesquisa Cultural no Royal Court desde 2001.

Editor-chefe do Jornal “Folk Culture” publicado pelos Arquivos Culturais para Estudos, Pesquisas e Publicações no Reino de Bahrain.

Itália

Fabrizio Cattaneo

Secretário Geral da IOV mundial

Fabrizio Cattaneo começou seus estudos musicais aos seis anos de idade, frequentando aulas ministradas por muitos professores renomados. 
Em 1979, aos 12 anos, tornou-se membro do grupo folclórico “Gioppini de Bergamo”, tocando acordeão. Ele é atualmente o presidente do grupo.
Ele é um instrutor  qualificado em danças folclóricas e é um mestre acordeonista. Fabrizio Cattaneo foi eleito o Secretário Geral em exercício.
Fabrizio é vice-presidente da Federação Italiana de Arte Popular (FITP).
É  membro do Jure Pleno no Ducato de Piazza Pontida e membro do conselho da Coroa. Artesão, empresário e proprietário de uma empresa que fornece assistência técnica em áudio, vídeo e computadores.

 

Brasil

Diretor executivo  IOV América:

Antonio Clerton Vieira da Silva

 

PALAVRAS DO NOVO DIRETOR EXECUTIVO –  IOV  AMÉRICA

Amigos presidentes e membros filiados da IOV  no Continente Americano.

Muitas lutas nos esperam!  Mas tenhamos sempre em nós, essa força que nos une ao amor pelas nossas culturas e manifestações populares, pois esse foi e será sempre o motivo que me  leva a seguir os objetivos  pelo qual sempre trabalhei pelo Folclore e as Artes Populares do meu pais.

E  com esta importante nomeação ao cargo de “Diretor Executivo  IOV  America,”  tenho a certeza que  continuaremos  caminhando juntos seguindo a nossa missão…  Mesmo em  países diferentes e distantes.

 Alguns dos presidentes IOV em países do Continente  América eu  já tenho uma certa afinidade e  venho aprendendo a cada dia a tê-los não só como companheiros de trabalho por um mesmo ideal e sim como mais um  membro de uma família com o sobrenome “FOLCLORE”.

De toda essa seleta equipe de presidentes IOV América  eu sinto e vejo um enorme carinho e amor por tudo que fazem voluntariamente por puro prazer e dedicação.  Eu chamo essa grande força de coragem.

 Não cansarei  de admirá-los pelo que são e pelo que fazem, pois na verdade todos da IOV América valem o quanto pesam.

 Como o mais novo brasileiro nomeado para assumir a presidência  da “IOV América,”   agradeço  o empenho de todos os companheiros amantes do Folclore das Artes Populares.

 Estarei sempre à disposição para contribuir, colaborar e ajudar a todos sempre que solicitarem e farei com certeza tudo que tiver ao meu alcance no que for possível para o crescimento do trabalho de cada um em seu  pais.

Ideias, temperamentos gerando divergências sempre existirão, isso também acontece nas melhores famílias entre irmãos que não diminui em nada o carinho, o respeito e o amor entre todos.

Estamos vivendo um momento de metamorfose na IOV, é a hora de pontuar uma História.

 A luta, o trabalho e a união de todos é super importante em todos os momentos.  E se  quisermos,  esta missão que estamos iniciando junto aos objetivos da IOV mundial, poderá virar uma bela História…

 Uma  História que contaremos… Misturando o real ao imaginário, à criança que nos suceder.

Convoco e convido a todos da IOV América para aproveitarmos esse momento de união de grupo, para caminhamos numa mesma direção.

 Agradeço  em especial ao senhor Fabrizio Cattaneo,  (Italia) – Secretario geral da IOV Mundial pela minha indicação  ao cargo,  que foi aprovada em assembleia   da IOV mundial  por unanimidade  Agradeço a alguns   presidentes da IOV  de outros países que de uma forma direta ou indireta influenciaram para minha indicação e nomeação.

 Desejo com carinho aos amigos da IOV do Continente americano, que  todos compartilhem desta jornada com as quais convivemos para carregamos as experiências que temos pela nossa paixão maior que é o Folclore, as Artes Populares e a missão da IOV mundial apoiada pela UNESCO.

Um abraço fraterno,

Continente Americano

O continente americano é considerado por muitos o “Novo Mundo”,  pois demorou-se vários séculos para que nossas terras fossem descobertas pelos europeus e colonizadas. Porém, de novo a América só tem esse apelido.

América do Sul:

São 12 países da América do Sul. A Guiana Francesa é um território ultramarino e não um país.
Nesse subcontinente americano onde a língua predominante é o Espanhol, pois o Português é falado apenas no Brasil. O nosso país é o mais populoso, com aproximadamente 200 milhões de habitantes.
Ao Brasil, segue-se a Argentina, cujo número aproximado é de 41 milhões de habitantes.

Países: 

01 – Argentina

02 – Bolivia

03 – Brasil

04 – Chile

05 – Colombia

06 – Equador

07 – Guiana

08 – Paraguay

09 – Perú

10 – Suriname

11 – Uruguai

12 – Venezuela

13 – Guiana Francesa  ( É um território)

América do Norte:

A América do Norte é um subcontinente formado por 4 países, de um total de 37 países que fazem parte do continente americano.
Os Estados Unidos – a maior potência mundial  e têm a maior extensão fronteiriça existente no planeta.
O México se destaca economicamente; é uma das maiores economias e consta no World Government Bond Index (WGBI), um índice de referência para o mercado.
A Groenlândia é, por sua vez, a maior ilha do mundo.

 

Países:

01 – Estados Unidos
02 – Canadá
03 – México
04 – Groelândia

América Central:

Os Países da América Central apresentam clima tropical e um povo, em grande parte, mestiço.
A população é predominantemente católica e a sua economia está pautada na agricultura.
O Espanhol e o Inglês são os idiomas que predominam, porém as línguas indígenas são conhecidas por muitas pessoas em decorrência da sua ancestralidade.

Países:

01 – Antígua e Barbuda

02 – Bahamas, Barbados

03 – Belize

04 – Costa Rica

05 – Cuba

06 – Dominica

07 – El Salvador

08 – Granada

09 – Guatemala

10 – Haiti, Honduras

11 – Jamaica

12 – Nicarágua

13 – Panamá

14 – República Dominicana,

15 – Santa Lúcia

16 – São Cristóvão e Névis

17 – São Vicente e Granadinas

18 – Trinidad e Tobago.

REPRESENTAÇÃO IOV NA AMÉRICA

IOV ARGENTINA

Presidente: Graciela Nélida Pons

 

“Criando o futuro para preservar o passado” foi o lema do Congresso de Jovens da IOV America.

Como presidente da IOV Secção Argentina,  me uno aos meus colegas para trabalhar na aceitação dessa mensagem.

Da diversidade, construindo caminhos de Paz, sem egoísmo, desejo estimular aqueles que se aproximaram da IOV e dos novos membros, a viajarem juntos às culturas populares, valorizando o Patrimônio Imaterial, a Identidade e o Folclore.

Professora GRACIELA PONS.

 

 

IOV SECÇÃO BOLÍVIA

Presidente: Pablo Marcelo Bautista Chuquimia

Diretor Consultor de Comunicação da América Latina

EUA Virginia Falls Church Photographic·
Revista Bolívia Foto
 Diretor de fotografia da revista Companies Companies·
 Repórter Visual do Grupo de Imprensa Independente·
Fotógrafo de publicidade incomparável
Gerente Comercial Rebelart
 Fotógrafo de publicidade da Universidade Particular da Bolívia·
 Red Uno (Principal, Calendário superior) 2013-2016 Produtor·
Jacha URU Programa Cultural RTP 2013 Diretora e produtora
Programa Cultural Jallalla Alegría 2014 – 20 15 Produtor
 EMPORIUM Companhia de Produção Audiovisual 2008-2015 Geral·
Gerente

 Vice-Presidente da Associação de Conjuntos Folclóricos de Grande Poder 2010-2014·
 Fundador e Presidente da Confederação Nacional do Folclore Boliviano·
2012 – 2013
 Secretário de Finanças CÂMARA INTERNACIONAL DE FORMAÇÃO DA·
PAZ 2015 – 2016
 Secretário Geral CÂMARA DE TRANSPORTE INTERNACIONAL·
DA PAZ 2016 – 2017
 Secretário Geral AI FEDERAÇÃO DE EMPRESAS PRIVADAS DE LA·
PAZ 2016-2017
 Fundador e Secretário de Relações da FUNDAÇÃO DE UNIFICADOS·
EMPRESÁRIOS DA EUCAS DE CULTURA ARTÍSTICA E SOCIAL
2017-2019
 Secretário Geral FEDERAÇÃO DE EMPREENDEDORES PRIVADOS DE LA·
PEACE 2017-2019
 ORGANIZADOR INTEGRAL DE DIFERENTES CULTURAL E FOLCLÓRICO·
EVENTOS DA FEIRA DE LA PAZ 2016-2018
 Fundador e Coordenador Geral do COMITÊ INTERNACIONAL·
DE CULTURAS que organizam o FESTIVAL INTEGRACIÓN DE las
CULTURAS “FICULTAS” 2018-2019
Fundador e Vice-Presidente DA FUNDAÇÃO DE CRIATIVA E
INDÚSTRIAS CULTURAIS.

 

IOV SECÇÃO COSTA RICA

Presidente:  Guadalupe Delgado Socatelli

É uma honra fazer parte do IOV   e ser representante legal na Costa Rica,  ainda mais,  junto com um respeitável grupo de colegas.

Uma organização que conta com o apoio da UNESCO devido aos seus objetivos e ao sustento de 40 anos de trabalho em prol das culturas populares e tradicionais, é o melhor lar para organizações e intérpretes ou portadores das identidades culturais de cada país.

Na Costa Rica esperamos homenagear a representação do IOV com muito trabalho e relevância no desenvolvimento de projetos que beneficiem o fortalecimento da identidade cultural e respeito ao IOV Internacional.

 

 

 

IOV SECÇÃO EQUADOR

Presidente; Augustin Llumiquinga

IOV SECÇÃO HONDURAS

Presidente: Mauro alberto Velásquez Hernadez

É muito importante visualizar que os tempos estão mudando, o mundo acelera suas mudanças sociais, políticas e econômicas, afetando assim as diferentes manifestações artísticas do nosso país e do mundo em geral.

Reconhecemos que, para que a cultura popular beneficie as gerações futuras, ela não deve sobreviver apenas como memórias gravadas das gerações anteriores, mas nas tradições vivas das pessoas hoje.

IOV HONDURAS, nasceu com esta iniciativa de promover, dar a conhecer nossos costumes, tradições, nossas artes e tudo que leva ao reconhecimento de nosso Honduras.

Pretende-se expandir o folclore e todas as manifestações artísticas de forma profissional, para que cada grupo e artista tenha a possibilidade de expor a sua arte a nível nacional e internacional, forjando com esta iniciativa, o gosto pelo folclore, arte e identidade nacional. de Honduras.

Pretendemos desenvolver formações ou workshops de dança, música, teatro, culinária e artesanato típicos das nossas etnias e folclore nacional, bem como promover diferentes festas populares entre outros.

ARTES POPULARES

São as melhores formas de manifestação do ser humano, expressando seu sentimento intrínseco.Os frutos da criatividade humana guiaram a história dos povos, e neles se originaram linguagens, concepções filosóficas, tradições, lendas e cânones estéticos.

Em conclusão, as expressões culturais são talvez as que melhor refletem, de forma tangível ou intangível, a identidade de uma determinada comunidade.

Hoje em dia, boa parte dessas expressões se materializa nas indústrias culturais e criativas, que traduzem em palavras, músicas, cores ou formas essas dimensões privilegiadas do ser humano e as colocam ao alcance do maior número possível de pessoas. 

IOV SECÇÃO MÉXICO

Presidente: Patricia Janette Orozco Gurrero

 – Atualmente, trabalha como Diretora de Liderança e Treinamento Estudantil da Prepa Santa Anita do Campus Tecnológico de Monterrey em Guadalajara, onde foi responsável por mais de 10 produções de concertos conjuntos, musicais e shows internacionais desde 2011 até hoje.

  – Ela é responsável pelos departamentos de Esportes, Liderança e Vida, Arte e Cultura, Serviço Médico e pelo programa ActivaTEC (Escola de arte e esportes para crianças de 7 a 14 anos).

– Realizou o 1º Festival Virtual Internacional, Folk Online Fest, onde 10 países do mundo participaram.

– É membro desde 2008 da IOV (Organização Internacional de Arte Folclórica), que trabalha para salvaguardar, promover e disseminar a cultura tradicional dos países, cumprindo os objetivos da UNESCO.

– Participou como jovem líder do México na IOV (Organização Internacional de Arte Folclórica),  de trabalhos com jovens para salvaguardar o patrimônio intangível em Praga, Estocolmo e Brasil.

– Coordenadora de excursões ao exterior do grupo folclórico oficial “Estampas de México” do Campus Tecnológico de Monterrey Guadalajara por 17 anos, levando o grupo a mais de 50 festivais de folclore em mais de 40 países ao redor do mundo.

– Trabalhou para o festival de Gannat com Jean Roche em 2009, onde fez parte da equipe de guias por dois meses, aprendendo tudo sobre um grande festival.

– Trabalhou  com Mtro. Rafael Zamarripa e Mtra. Marcela Orozco na criação da CIOFF México como órgão formal em 2007.

– Trabalhar no Tecnológico de Monterrey desde 2002, promovendo e divulgando a imagem e a publicidade de todas as exposições do departamento de Arte e Cultura, além de obter a coordenação de mais de 50 oficinas culturais.

IOV SECÇÃO PANAMÁ

Presidente: Lisbete Batista Ureña

Nasceu no Panamá.

 Começou como dançarina de folclore panamenha aos 3 anos de idade, no Conjunto Folclórico Didio Muñoz.·

 Aos 5 anos, ingressou no Conjunto de Projeções Folclóricas para Crianças da Loteria Nacional de Caridade de Panamá, onde participou de feiras e festivais locais. Aos 12 anos, ele avançou para o Grupo de Jovens da mesma Instituição. Em agosto de 1999, ele participou do Festival Folclórico em San José Costa Rica, onde participou com grupos locais em diferentes cidades. Aos 18 anos, tornou-se parte do Grupo de Adultos da mesma Instituição, participando de passeios e shows locais. Destaque como o melhor solista do grupo do bebê ao adulto.·

Nas Projeções do Folk Ensemble da Loteria Nacional do Panamá, ela teve a oportunidade de participar de feiras e festivais, um deles foi em 1999, onde ela participa do Festival Folk em San Jose Costa Rica, apresentando-se como uma dançarina solista de topo.

 Dentro do Grupo Folclórico do Panamá, a Direção Geral e Coreográfica lidera. Gerenciar destinos e contatos com os festivais dos quais participarão.·

 Em 2012, ela se estabeleceu como fundadora da American Dance Foundation – FAD..·